|  Por camila

Ouça entrevista com sobrevivente da explosão da fábrica de fogos na Bahia

Programa Vozes e Reivindicações chega em seu sétimo episódio com a narrativa de Dolores, sobrevivente do massacre de 1998 em Santo Antônio de Jesus

 

Na última segunda-feira de Outubro, dia 26, foi divulgada pela Corte Interamericana de Direitos Humanos a condenação do Estado brasileiro pelas mortes decorrentes da explosão da fábrica de fogos, em Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo Baiano. Durante a tragédia, Maria Balbina dos Santos, de cinquenta e nove anos, conhecida como Dolores, perdeu a única filha, Arlete Silva Santos, que tinha catorze anos. Outras 64 pessoas morreram durante a explosão que deixou outras seis feridas.

Dolores se fez voz neste sétimo episódio do podcast da Justiça Global, para comemorar a decisão histórica da OEA que reconhece discriminações estruturais de raça, gênero e condições sociais como violações de direitos humanos e para relembrar os momentos vividos até a sua vitória e de outras vítimas daquele onze de Dezembro.

O podcast Vozes e Reivindicações está disponível nas principais plataformas de áudio. Para ouvir, clique no botão: