|  Por camila

Relatório “Do Legado fez-se Espólio” discute os impactos de 10 anos de megaeventos esportivos no Rio de Janeiro

Refletir sobre os dez anos de megaeventos que se estenderam entre os Jogos Pan Americano e as Olimpíadas é a proposta do relatório Do Legado fez-se Espólio: megaeventos, violações de direitos humanos e luta social na cidade do Rio de Janeiro. O documento, organizado pela Justiça Global, reúne 22 (vinte e dois) contribuições de defensores/as de direitos humanos, ativistas, artistas e pesquisadores/as que discutem os impactos e violações decorrente dos megaeventos. Como por exemplo, o modelo de desenvolvimento urbano excludente, racista e violador de direitos implementado, voltado aos interesses do grande capital e arranjos políticos. O processo de espoliação do patrimônio público em prol do enriquecimento ilícito de uma casta política levou à prisão grande parte dos governantes que bradavam pelo legado dos megaeventos. O espólio está, agora, nas contas públicas de um estado que tem os maiores índices de desemprego do país.

 

O relatório também se propõe a resgatar as narrativas silenciadas e analisar os mecanismos de controle social instituídos. Segundo Glaucia Marinho, da Justiça Global, “precisamos disputar a memória crítica desse passado recente para que a resistência a esse projeto não seja apagada. No período dos megaeventos esportivos houve ainda um incremento da violência e das violações de direitos humanos no Rio de Janeiro e mesmo com o fim dos jogos ainda vivemos sob os efeitos.”

 

O lançamento do relatório acontece nesta  quarta-feira, 11, às 16h, durante um debate virtual transmitido no canal da Justiça Global no Youtube e na página do Facebook. Participarão da live o historiador Fransérgio Goulart, coordenador da Iniciativa Direito à Memória e Justiça Racial, e autor do artigo Baixada Fluminense, mexicanização e racismo; e a antropóloga, Anelise Gutterres, que escreveu Rumores, remoções e resistências na era dos megaeventos. Os textos estão disponíveis no relatório. A mediação da live será conduzida por Glaucia Marinho. Baixe aqui o relatório Do Legado fez-se Espólio: megaeventos, violações de direitos humanos e luta social na cidade do Rio de Janeiro.

 

544345c9-839a-43d8-b699-d0109c120905